Entries by jgarcia

(2017) Plano Sequência / Take 2

“Plano Sequência / Take 2” se dá pela vivência no espaço, pela utilização das técnicas que permeiam a dança e o cinema, e pela intuição que nos leva, por algum motivo, a nos concentrar num evento e desejar registrá-lo. Processo de construção de um plano contínuo, um projeto de sobrevivência, sistema dentro de sistema. Xadrez […]

(2016) Take a Deep Breath

Refletindo com mais profundidade sobre a própria linguagem, a Jorge Garcia Companhia de Dança vem agora, depois de completar 10 anos de pesquisa continuada, propor um mergulho mais profundo nas relações que cada integrante da equipe estabelece com seus pares e com o espaço, colaborando ativamente com um processo de criação que busca fazer do […]

(2014) Copyleft

Copyleft é um trocadilho com “Copyright”, a atribuição de direitos ao proprietário de uma obra, impedindo reproduções não autorizadas. Copyleft transmite a ideia oposta, de que haverá sempre garantia de liberdade para que usuários possam reproduzir, modificar e redistribuir uma obra, exigindo apenas que este direito seja mantido em todas as versões. Este mesmo conceito foi usado […]

(2014) Imprimatur

Imprimatur (em latim, “pode ser impresso”) é uma declaração oficial da Igreja Católica, que diz que um trabalho literário ou similar não vai contra as idéias da igreja e que é uma boa leitura para qualquer católico. Nessa obra o diretor e coreógrafo Jorge Garcia buscou imprimir nos corpos, no espaço, na estética e na […]

(2013) Divinéia

Balé da Cidade de São Paulo – 2001 Divinéia é o nome dado pelos presidiários da Casa de Detenção de São Paulo ao pátio amplo, em forma de funil, onde fica a sala de revista corporal. Antes do acesso aos pavilhões, é preciso levantar os braços diante dos revistadores. A partir dessa descrição, procura-se mostrar […]

(2013) Imprimi Potest

Imprimi Potest (“pode ser impresso”, em latim) é a aprovação oficial de uma autoridade superior da Igreja Católica (ou de seu representante) para que uma obra escrita por um membro de uma ordem religiosa seja publicada. A partir de seu solo Nihil Obstat*, Jorge Garcia transpõe para os corpos de seu elenco um desafio constante […]

(2013) Rotatória

  Colando as partes Recriando o mundo explodido A criança no pós guerra Tentando reorganizar o mundo E Criando um bicho novo Estruturas e combinações impensadas O animal de trezentas costelas Gaiola óssea Onde dentro brinca um homem Como num parque de diversões. Patricia Gifford   Sinopse Um homem chega sozinho numa rotatória. A rotatória […]

(2012) I Suite para Violoncelo solo de J. S. Bach

A partir do projeto Logo-Diálogos, idealizado por Dimos Goudaroulis, primeiro violoncelista a gravar as 6 Suítes de J.S Bach, seguindo o manuscrito de Ana Magdalena Bach. Surge a proposta de unir a genialidade do compositor com o virtuosismo do coreógrafo Jorge Garcia e bailarinos da Jorge Garcia Cia de Dança Contemporânea, buscando expressar através do […]

(2012) Caixa de Vidro

“Acredito que isso seja mais sobre vida do que sobre palco. Sobre como nos comunicamos silenciosamente com o contexto no qual estamos inseridos, como nossos olhares se encontram (ou não), como nossos movimentos falam mais que nossas palavras e também sobre como vivemos em uma corda bamba, amordaçados e expostos a todo tipo de tensão […]

(2010) Área Reescrita

O espetáculo estuda as possibilidades de diálogo com o entorno urbano e experimenta reescrever espaços e narrativas, tendo como proposta inicial a saída das salas de ensaio e a investigação da cidade. Com autonomia para dar vazão aos próprios movimentos e instintos, os integrantes da companhia realizaram ações em diferentes espaços urbanos, transformando a cidade […]